Casal de pinguins-de-magalhães é atração em zoo da Serra gaúcha

Um casal de pinguins-de-magalhães resgatados em Santa Catarina é a nova atração do pinguinário do Gramadozoo. Após breve período na área de quarentena do parque, os dois foram colocados no local que tem um enriquecimento ambiental para manter o bem-estar dos animais da espécie.

Os pinguins-de-magalhães são aves monogâmicas, ou seja, formam casais para a vida toda.  O mais velho do casal chegou no início do ano e o mais novo há três meses. Ambos estavam muito debilitados.

“Após a recuperação do mais velho, ele se tornou o doador de sangue oficial. Era um animal muito tranquilo. Os outros pinguins que receberam seu sangue foram soltos. Devido ao histórico de doação e mansidão, eles não podem voltar à vida livre”, afirma o veterinário Renan Alves Stadler, responsável técnico do parque.

Conforme Stadler, a principal ameaça para a espécie é a ação humana. “O lixo jogado nas praias, as redes de pesca, o derramamento de óleo e a falta de alimento no mar são as principais causas de internação. Os animais chegam debilitados, anêmicos, petrolizados e machucados”, alerta o veterinário.

gramado zoo

Os animais vieram de Florianópolis por via terrestre e demoraram mais de oito horas até a cidade da Serra Gaúcha. Para minimizar o estresse de uma viagem de 500 quilômetros de Florianópolis até Gramado, a equipe técnica do zoo realizou paradas estratégicas para verificar as condições das aves. Os animais também recebiam hidratação por sonda a cada 2h30min.

O Gramadozoo fica no Km-35 da ERS-115 e funciona diariamente das 9h às 17h.

Fonte: correiodopovo.com.br


Gostou? Nos curta no Facebook!

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta