44º Festival de Cinema de Gramado começa dia 26 sexta-feira

 

Dia 26 (Sexta-feira) os olhos se voltam para a serra gaúcha com o Festival de cinema de gramado!

O Festival de Cinema de Gramado é mais uma das inúmeras atrações que Gramado oferece aos turistas. Ano após ano, a cidade recebe a presença ilustre de diversas celebridades do cinema nacional e internacional sendo um dos maiores evento do gênero no Brasil. Ao longo de 44 anos de história, acompanhou todas as fases do cinema nacional. Além da celebração da produção brasileira e gaúcha com troféus e premiação em dinheiro, o Festival de Cinema de Gramado inclui em sua programação uma mostra competitiva de filmes latino-americanos desde 1992. Em 2016, são 51 filmes em competição ao longo de uma programação de nove dias que também inclui homenagens a personalidades do cinema brasileiro e latino, debates e mostras paralelas.

Dentro das novidades que ocorre nesse ano está o tão aguardado Museu do Festival de Cinema de Gramado (MFCG).O Museu será instalado ao lado do Palácio dos Festivais e da Igreja São Pedro. Com uma área de mais de 500 metros quadrados e vista panorâmica para o centro da cidade, o espaço terá um acervo interativo que contempla as mais de quatro décadas de história do evento.

 Foto: Edison Vara/Pressphoto
Foto: Edison Vara/Pressphoto

Homenageados desse ano:

TROFÉU OSCARITO

Ícone do cinema brasileiro, Sonia Braga é a homenageada do troféu Oscarito, distinção entregue a grandes atores da nossa cinematografia. Seu primeiro sucesso internacional veio com “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, de 1976, seguido de outras obras emblemáticas como “A Dama do Lotação” (1978), “Eu Te Amo” (1981) e “O Beijo da Mulher Aranha” (1984). Em Gramado, a atriz foi consagrada duas vezes: melhor atriz em 1981 com “Eu Te Amo” e melhor atriz coadjuvante em 2001 com “Memórias Póstumas”.

 

 

 

 

 

 

KIKITO DE CRISTAL

Com mais de 40 filmes no currículo, Cecilia Roth será a primeira mulher a receber o troféu Kikito de Cristal, homenagem entregue a expoentes do cinema latino-americano. Vencedora de dois prêmios Goya, a atriz argentina foi uma das convidadas pelo Oscar em 2016 a integrar o corpo de votantes de Academia. É uma das mais frequentes colaboradoras do consagrado cineasta espanhol Pedro Almodóvar, com quem trabalhou em célebres e premiados longas-metragens como “Tudo Sobre Minha Mãe”.

 

 

 

 

 

 

TROFÉU CIDADE DE GRAMADO

Da comédia ao drama, Tony Ramos é um dos nomes de maior sucesso do cinema realizado em nosso país após a Retomada. Passando por papeis dos mais variados perfis em filmes como “Se Eu Fosse Você”, “Chico Xavier”, “Tempos de Paz” e, mais recentemente, “Getúlio”, Tony já tem um Kikito de melhor ator em sua estante (2001, por “Bufo & Spallanzani”), mas agora volta à Serra Gaúcha para receber o Troféu Cidade de Gramado, honraria que representa o tributo do município a profissionais do cinema brasileiro.

 

 

 

 

 

 

TROFÉU EDUARDO ABELIN

Considerado o mestre do horror brasileiro, José Mojica Marins, eternizado no imaginário popular como o sinistro Zé do Caixão, desbravou o gênero com muita sátira e provocação. No início da carreira, chegou a criar escolas de interpretação para levantar recursos para suas produções e, já em 1957, lançou “Sina de Aventureiro”, projeto que seria seguido por outras 50 produções em uma carreira que sempre se manteve ativa ao longo de mais de seis décadas.

 

 

 

 

 

 

Confira a programação completa no site: http://www.festivaldegramado.net/

Gostou? Nos curta no Facebook!

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta